Pular para o conteúdo principal

Resenha: A Zona Morta

LIVRO: A Zona Morta
ANO DE LANÇAMENTO: 2017
AUTOR:  Stephen King
EDITORA: Suma de Letras
NUMERO DE PAGINAS: 479
CLASSIFICAÇÃO: ★★★★★♦




Sinopse:
Depois de quatro anos e meio, John Smith acorda de um coma causado por um acidente de carro. Junto com a consciência, o que John traz do limbo onde esteve são poderes inexplicáveis. O passado, o presente, o futuro – nada está fora de alcance. O resto do mundo parece considerar seus poderes um dom, mas John está cada vez mais convencido de que é uma maldição. Basta um toque, e ele vê mais sobre as pessoas do que jamais desejou. Ele não pediu por isso e, no entanto, não pode se livrar das visões. Então o que fazer quando, ao apertar a mão de um político em início de carreira, John prevê o que parece ser o fim do mundo?



Olá caros leitores e caríssimas leitoras, preparados para mais uma resenha literária. Venham comigo descobrir minhas impressões à respeito da obra.



John era um professor normal, com uma vida também normal. Entretanto, após um pass…

Resenha: Beleza Estranha

LIVRO: Beleza Estranha
ANO DE LANÇAMENTO: 2013
AUTOR:  Tércio Ribas Torres
EDITORA: Chiado
NÚMERO DE PÁGINAS: 112
CLASSIFICAÇÃO: ★★★★




Sinopse:
Beleza estranha é a história de Roberto. A história de Roberto é a história de uma relação afetiva, da dinâmica de uma família em torno de um pai autoritário e controlador. Um pai que faz com que Roberto, menino, sinta muito cedo a dor da rejeição paterna e busque encontrar o seu lugar, mudar o rumo da sua vida. A decisão de mudar instalou-se a partir de uma revelação dolorosa a que teve acesso inesperadamente.
A história de um homem que constrói a sua vida a partir das carências instaladas pela falta de afeto paterno, pela observação do sofrimento da mãe. E, na luta pela superação, ele revela sua grande generosidade quando o pai vem bater à sua porta.
E, no final surpreendente, ele se dá conta de que “a vida é mesmo estranha, mas é bela”.




Olá caros leitores e caríssimas leitoras, preparados para mais uma resenha literária. Venham comigo descobrir minhas impressões à respeito da obra.




Roberto é um garoto que vive em um lar problemático, sendo submetido diariamente a relações abusivas. Seu pai é agressivo, destemperado e não perde a oportunidade de bater, gritar, xingar. Tudo, para o tal, é licito se o objetivo for transformar os filhos nas pessoas que ele deseja. Ademais, além das agressões, ainda falta carinho e atenção nesse lar. A atenção geralmente só aparece em momentos de broncas e surras.
A mãe de Roberto também sofre com o temperamento abusivo do marido. Ela é agredida verbal e fisicamente, muitas vezes na frente dos filhos. A família é fragmentada, frouxa, vive a ponto de uma ruptura. Contudo, algo ainda os une, os prende. Um segredo do passado é a linha que sustenta essa relação tão desgastada entre marido e mulher.
Partindo dessa premissa, Tércio Ribas Torres constrói um drama familiar inquietante. O livro é excelente em denunciar as mazelas familiares, os relacionamentos abusivos e a prática, infelizmente ainda comum, de agressão a crianças. Observa-se também a questão da violência contra a mulher com muita clareza, onde a esposa é presa ao marido violento por questões financeiras e emocionais, mesmo, em muitos momentos, desejando se livrar de tal fardo.
Contudo, o livro peca pela mínima quantidade de páginas. A situação psicológica poderia ter sido muito mais explorada, contudo, não foi. Apesar disso, o livro não perde completamente a sua beleza. Enxergar as atitudes de Roberto durante a sua vida e retirar as inúmeras reflexões possíveis compensa, ao menos em parte, a falta de aprofundamento. Contudo, fica o desejo de conhecer mais profundamente os outros personagens, familiares, o que não acontece.
Outro detalhe positivo da obra é a escrita do autor. Ágil, eficiente e muito envolvente, faz com que a leitura flua de maneira rápida. É possível ler toda obra em apenas algumas horas. O melhor é que essa escrita não compromete as inúmeras emoções que são geradas com a obra, fazendo assim que o livro seja ágil, mas tocante.
Em resumo "Beleza Estranha" é uma leitura ágil, tocante, mas que peca um pouco pela falta de profundidade em alguns personagens. Ainda assim, merece méritos por trabalhar temas complexos de maneira acertada. Sem dúvidas, uma boa opção de leitura. Recomendo! Finalizo por aqui, espero que tenham gostado da resenha e até a próxima!

Comentários

  1. Oi, Luciano. Tudo bem?
    Eu não conhecia o livro nem o autor e gostei muito da premissa de drama familiar e abordar a violência doméstica, acho que não li muitos livros de ficção que abordassem esse tema. Amei a dica e estarei colocando na lista para uma futura leitura.

    Beijos, Vanessa
    Leia Pop

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vanessa vou bem e você? Quando puder leia-o. A obra é muito boa, apesar de as ressalvas citadas. Beijos!

      Excluir
  2. Oi Luciano, tudo bem?
    A obra parece forte, daquelas que incomodam, sabe? Pela gravida e realismo dos temas. Gostei bastante da indicação, mesmo sabendo que o autor poderia ter aprofundado mais alguns pontos da história.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pri vou bem e você? A obra é bastante forte, principalmente para pessoas sensíveis. O livro é muito bom. Beijos!

      Excluir
  3. Oi, Luciano. Eu costumo ir na contra mão às vezes... e pensando nisso, acredito que vou gostar muito desse livro, já que ele envolve drama familiar e não fica enrolando muito nas questões. Você tem um gosto literário legal. Muitas vezes me pego pensando em ler os livros que você coloca. Suas resenhas são bem sinceras e ao mesmo tempo gentis e amáveis, isso me chamou muita atenção por que não consigo desempenhar essa amabilidade toda. Cresci com muita hostilidade e um pouco dela é automaticamente perceptível em minha forma de expressão. Por isso venho procurando pessoas opostas, assim aprebfo com elas. Seu blogue e o da Silvana são duas pérolas pra mim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Fabiano! Que bom que gosta de ler minhas resenhas. Mesmo às vezes o livro não me agradando completamente eu não tenho por índole denegrir o livro de quem o escreveu, pois mesmo havendo falhas e não me agradando, o livro pode, agradar outros leitores e, além do mais um livro sempre tem pontos positivos também. Fico feliz em saber que o meu blogue esteja lhe ajudando de alguma forma a melhorá-lo nesta questão citada por você. Sobre o livro quando puder não deixe de lê-lo, pois é muito bom, apesar de as ressalvas. Abraço!

      Excluir
  4. Gosto de leitura assim, que é fluída e acontece rápido, mas ao mesmo tempo é profunda e nos faz até refletir sobre alguns pontos.

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Monique! O livro é muito bom, você vai se agradar da leitura.

      Excluir
  5. Acho que nunca li um livro sobre violência doméstica que abordasse da maneira como realmente é. Muitos apenas falam rapidamente como se fosse um traço de personalidade do casal, ou falam como se não fosse algo grave

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruna! Não é fácil encontrar livros que mostrem explicitamente sobre as mazelas familiares. Eu li poucos até hoje. Este livro aqui é muito bom, apesar de faltar profundidade em alguns personagens. Ainda assim é um livro que pode chocar pessoas sensíveis. Abraço!

      Excluir
  6. Nossa, esse deve ser um livro que precisa mesmo ter estômago para ler. Mesmo sabendo que essas coisas realmente acontecem em famílias bem próximas de nós, é bem complicado ler assim. Eu não sei se aguentaria, sério... =/

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Hanna! O livro é muito bom, mas precisa ter estômago forte. Pessoas sensíveis podem se chocar.

      Excluir
  7. Oi
    eu já li esse livro, mas faz alguns anos, realmente ele tem poucas páginas e a história poderia ter sido bem mais aprofundada, porém é um bom livro para se ler, quer bom que gostou de ler.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Denise! É sim a obra é boa de ser lida, apesar de as ressalvas citadas.

      Excluir
  8. Oiii Luciano

    Eu não conhecia esse livro, parece ser uma leitura realista, por vezes dura até porque expõem essas mazelas familiares, os maus tratos contra a esposa e as crianças. A escrita ágil do autor certamente ajuda a gente a se envolver na trama, uma pena que o conflito não foi tão bem explorado por ter poucas páginas. Tem livro que sobram páginas e tem livro que merecia mais, e esse é um destes né. Achei a capa linda.

    Beijos, Ivy

    www.derepentenoultimolivro.com

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ivy! Se tiver a oportunidade não deixe de lê-lo. Beijo!

      Excluir
  9. Olá, Luciano.
    Não muito tempo atrás essa era a realidade da maioria das famílias. Falo por experiencia própria porque cresci em um família que a palavra do meu pai era lei. E qualquer coisa era motivo de levar uma surra. Pena que o livro foi pequeno e não deu para aprofundar nos personagens.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sil! Felizmente esse tempo está acabando para muitas famílias, embora haja sim muitas famílias que experienciam tal situação, infelizmente.

      Excluir
  10. Oi, Luciano!
    Fiquei curiosa pelo livro justamente porque o autor, ao que me pareceu, vai direto ao ponto. Gosto muito dessa literatura que segue sem enrolação. :)
    Fiquei pensando aqui, acho que nunca li nenhum livro da Chiado. Então começar por esse me parece boa pedida.

    Um beijo,
    Fernanda Rodrigues | contato@algumasobservacoes.com
    Algumas Observações
    Projeto Escrita Criativa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Fernanda! Aqui o autor foi direto ao ponto. Os livros da editora Chiado são maravilhosos, se puder comece por este, certamente você vai gostar da leitura. Beijo!

      Excluir
  11. Não gosto de dramas, mas acho super importante assuntos assim serem desenvolvidos em qualquer gênero. Gostei muito da sua resenha.

    Abraço

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Leyanne! Assuntos deste cunho devem ser escritos nos livros, pois é de suma importância. Que bom que a resenha tenha lhe agradado. Abraço!

      Excluir
  12. Oi, Luciano!
    Normalmente eu fujo de leituras mais pesadas como essa, apesar de infelizmente a realidade ser ainda pior e mais rígida na vida real.
    Que bom que a leitura te agradou! Gostei de conhecer essa indicação :D

    Estante Bibliográfica

    ResponderExcluir
  13. Suas resenhas são tão bem feitas, Luciano! É sempre um prazer passar por aqui, mesmo para conhecer mais autores nacionais <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Larissa! Muito obrigado, seu comentário é um estímulo para eu continuar postando as resenhas.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog