Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de julho, 2021

Sobre Sebos e Livros

Olá caros leitores e caríssimas leitoras! Como estão? Hoje venho falar de um assunto importante para comunidade leitora brasileira. Se você assim como eu gosta muito de ler, então essa postagem é pra você mesmo. Uma dica que posso dar para você que quer muito ler um livro, mas não tem dinheiro, no momento, para comprá-lo porque está caro é parar um momento para repensar a questão do consumo inteligente, pois a moda do momento e do futuro é ser uma pessoa sustentável, não é mesmo?! Então tentar encontrar um exemplar de segunda mão seria uma opção bastante acessível para você. Em geral os SEBOS sempre serão os melhores amigos de leitores ávidos, e pensando nisso, vai que encontra algum livro interessante por lá e com precinho camarada? Então, não perca tempo e procure logo por eles! Se não encontrar o livro que quer, espere um pouco e volte lá em alguns dias, uma hora esse livro vai chegar no SEBO mais perto de você. Acredite! Seja persistente! Caso não tenha paciência ou saúde, por ser

Resenha: Pai em Dobro

LIVRO: Pai Em Dobro ANO DE LANÇAMENTO: 2020 AUTORA: Thalita Rebouças EDITORA: Rocco NÚMERO DE PÁGINAS: 256 CLASSIFICAÇÃO: ★★★★ Sinopse: Vicenza é uma menina doce e superespiritualizada que cresceu em uma vila ecológica longe de sinal de celular e de toda a poluição da cidade. Tudo parece ser uma maravilha, mas ela sabe que um pedaço dela está faltando. O mistério que sua mãe mantém sobre seu pai é algo que Vicenza não consegue deixar para lá, e todo ano no dia do seu aniversário ela faz o mesmo pedido: saber quem ele é. Depois de sempre ouvir “não” como resposta, ela está quase desistindo. Quase. Porque o universo não brinca em serviço e algumas pistas no dia em que completa 18 anos podem acabar levando a menina direto para o seu pai… Ou pais?  Olá caros leitores e caríssimas leitoras, preparados para mais uma resenha literária. Vamos Conhecer! E quando tudo parecia perdido, Thalita Rebouças nos presenteia com mais uma história de aquecer o coração. Dessa vez, num formato um pouco dife

TAG: Minha Rotina

 TAG MINHA ROTINA  Olá, caros leitores e caríssimas leitoras! Como vocês estão? Fui indicado pelo blog SOCIALIZANDO do querido escritor e blogueiro Fabiano Caldeira para responder essa TAG, que aliás achei muito legal. Venham conferir minhas respostas e, no final indicarei três blogues para, se quiserem respondê-las também.  Regras: Postar o selo da Tag no seu blog (imagem acima);  Completar as frases sobre sua rotina;  Indicar no mínimo três pessoas para participar da Tag ao final da postagem;  As perguntas:  1. A primeira coisa que eu faço ao acordar é... escovar minha arcada dentária, posteriormente checar mensagens no celular.  2. No café da manhã eu como... frutas e bebo suco de laranja de caixinha, ou vitamina se eu estiver disposto a preparar a bebida. 3. De manhã eu... costumo fazer caminhada, embora não realize todos os dias. Quando não caminho de manhã, escrevo para o blogue, ou ouço música para começar bem o dia. 4. Eu almoço por volta de... meio dia.  5. À tarde eu gosto de

Resenha: Cidades Afundam em Dias Normais

LIVRO: Cidades Afundam em Dias Normais  ANO DE LANÇAMENTO: 2020 AUTORA: Aline Valek EDITORA: Rocco NÚMERO DE PÁGINAS: 256 CLASSIFICAÇÃO: ★★★★★ Sinopse: Da mesma autora de “As águas vivas não sabem de si”. Alto do Oeste é uma cidade no meio do Cerrado, que, no início desse século, afundou inexplicavelmente dentro de um lago. Apesar de insólita, essa submersão foi acontecendo de forma lenta e gradual, de modo que também foi aos poucos que seus habitantes foram “expulsos” pelo avançar das águas e obrigados a abandonar a cidade. Anos depois, uma seca extrema no cerrado voltou a revelar Alto do Oeste, e todos os resquícios da vida das pessoas daquele lugar antes da inundação vieram à tona novamente, como se fossilizados pelo barro que agora encobre todas as coisas. Ao saber da notícia, Kênia Lopes, uma antiga moradora da cidade, decidiu que precisava fotografar as ruínas, como se em busca da resposta para uma questão jamais respondida: o que faziam os moradores enquanto aquele pequeno apoca

Resenha: Ventos Nômades

LIVRO: Ventos Nômades ANO DE LANÇAMENTO: 2018 AUTORA: Manuela Marques Tchoe  EDITORA: Pendragon NÚMERO DE PÁGINAS: 96 CLASSIFICAÇÃO: ★★★★ Sinopse: Quantas vezes numa viagem nos permitimos ver a vida com outros olhos? Em Ventos Nômades você encontrará dez contos que cruzam continentes, exploram o choque de culturas e novos horizontes além das fronteiras tupiniquins. Você largará tudo em busca do sentido da vida com Guilherme até chegar ao mais antigo templo do sudeste asiático. Com uma americana à beira da morte, receberá um sopro de vida na ilha grega de Creta. E se embrenhará junto com dois amigos nos segredos judaicos de Praga. Ventos Nômades é um convite a viajar pelo mundo. Olá caros leitores e caríssimas leitoras, preparados para mais uma resenha literária. Vamos Conhecer! VENTOS NÔMADES reuni dez contos que exploram os mais diversos locais, acontecimentos e culturas. Ele é aquele livro que vai deixar o leitor o tempo todo grudado para saber o que vai acontecer. Os contos me chama

Resenha: Punição para a Inocência

LIVRO: Punição Para a Inocência ANO DE LANÇAMENTO: 2020 AUTORA: Agatha Christie EDITORA: HarperCollins NÚMERO DE PÁGINAS: 256 CLASSIFICAÇÃO: ★★★★★ Sinopse: Jacko Argyle é detido sob alegação de que teria assassinado sua mãe em um surto de loucura, sendo condenado à prisão perpétua. Dois anos depois, surge uma prova, encontrada pelo doutor Arthur Calgary, de que o preso é inocente, mas a descoberta chega tarde demais: Jacko morre atrás das grades. Os achados do doutor reabrem as feridas dos membros da família, que passam a encarar uns aos outros com desconfiança e suspeita, assombrados com a possibilidade de que o verdadeiro assassino ainda esteja entre eles.  Olá caros leitores e caríssimas leitoras, preparados para mais uma resenha literária. Vamos Conhecer! Esta obra foi uma leitura diferente para mim. Primeiro livro que li da Agatha sem um detetive famoso para ajudar a desvendar o mistério. Nada de Poirot ou Miss Marple. Aqui, o leitor vai adentrando nos acontecimentos junto de todo